Anúncios de Facebook 05/02/2021

Quanto ganha um gestor de tráfego?

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

Muitas pessoas que buscam por um gestor de tráfego e pessoas que têm interesse em trabalhar com isso se perguntam: “Quanto ganha um gestor de Tráfego?”.

Para tirar essa dúvida escrevi este artigo e vou explicar além de quanto ganha um gestor de tráfego, vou mostrar também como cobrar pelo serviço.

O que faz um Gestor de Tráfego?

O gestor de tráfego é aquele profissional que gerencia anúncios em plataformas como (Google, Youtube, Facebook e Instagram) para os seus clientes. Ele também é responsável por administrar e distribuir o investimento em anúncios, mensurar e trazer resultados para o seu cliente.

Inclusive eu tenho um artigo onde eu trago um guia completo sobre a profissão de gestor de tráfego. 

Quanto ganha um Gestor de Tráfego?

O Gestor de Tráfego pode ter vários clientes e receber um valor mensal bem interessante, mesmo que ele seja um iniciante.

É possível começar ganhando em média de R$ 2.000,00 à 2.500,00 por mês e subir esse valor sem grandes dificuldades se você estiver trazendo resultados para os seus clientes. Por outro lado, um bom gestor de tráfego pode chegar a faturar de R$ 10.000,00 à R$ 20.000,00 mensalmente.

Esse valor pode variar conforme a sua experiência de mercado, não é um salário fixo, mas você pode ganhar bastante dinheiro como gestor de tráfego.

Não gosto muito de tabelas, mas para servir como orientação, criei esta tabela abaixo:

  • Gestor de tráfego iniciante: Entre 500 a 2500 reais mensais
  • Gestor de tráfego intermédio: Entre 2500 a 5000 mil reais mensais
  • Gestor de tráfego profissional: Entre 5.000 e 20.000 reais mensais
  • Gestor de tráfego referência: + de 20.000

Lembrando que se você quiser ser um BOM gestor de tráfego, você terá que constantemente reinvestir o valor que ganha em novos cursos e mentorias, pois o aprendizado enquanto gestor de tráfego é constante e jamais deve parar.

Trabalhando como Gestor de Tráfego para fora do país

Este sou eu em 2016, numa viagem para a Rússia. Na verdade, era a segunda vez que viajava para a Rússia com tudo pago.⁣

Estas viagens para a Rússia aconteceram porque eu gerenciava os anúncios do JivoChat, uma empresa russa, e todos os anos, eu viajava durante 2 semanas para trocar algumas ideias com a equipe.⁣

Esta foi apenas uma das coisas boas que trabalhar como gestor de tráfego me proporcionou. Esta liberdade que a gestão de tráfego proporciona não tem preço.

Como você pode ver pela minha história, está profissão pode abrir a sua mente para a possibilidade de se trabalhar de qualquer lugar do mundo.

Eu trabalhei com empresas fora do Brasil e, enquanto o Real se desvalorizava, eu ganhava mais dinheiro, porque estava recebendo em uma moeda mais valorizada. Essa é uma oportunidade muito grande e que poucas pessoas estão atentas a ela no momento.

Então, você pode conseguir trabalho em empresas que podem te pagar em moedas estrangeiras como dólar ou euro, por exemplo. Sendo o real uma moeda cada vez mais desvalorizada, essa é uma excelente forma para conseguir ganhar mais.

Como cobrar sendo Gestor de Tráfego?

Essa é uma dúvida muito comum de quem trabalha com gestão de tráfego e também para quem está pensando em viver como gestor de tráfego.

Logo abaixo vou te mostrar os quatro modelos possíveis para se trabalhar como gestor de tráfego:

Cobrar por valor mensal

Quando se esta no início da carreira de Gestor de Tráfego, o cliente prefere pagar um valor fixo mensal para você.

Você recebe mensalmente pela prestação do serviço de gerenciamento de anúncios e também é importante  combinar com o cliente qual será o valor investido nos anúncios.

A desvantagem do valor mensal é que ele não é escalável, ou seja, o valor mensal é fixo, independentemente do lucro gerado para o cliente.

A vantagem é que os ganhos são estáveis, porque é um valor pré fixado mensalmente.

Você também pode definir no contrato a condição de caso as vendas aumentem em X por cento o valor poderá ser negociado com o cliente.

Não se esqueça de fazer sempre um contrato com o seu cliente e de emitir nota fiscal para ele. Isso torna a prestação do serviço algo mais profissional, além de proteger o seu trabalho.

Cobrar por percentual do investimento

Neste modelo quanto mais ele investe, mais você ganha, ou seja, você vai cobrar um percentual em cima do investimento mensal em anúncios. Por exemplo: Se você combinar que vai receber 20% do investimento e o seu cliente investir R$1.000,00 você receberá R$ 200,00 naquele mês.

A desvantagem dessa forma de cobrança é que se o cliente decidir investir menos, você também ganhará menos. Não estou dizendo que isso irá acontecer, mas é possível que aconteça nesta forma de cobrança.

Cobrar por percentual das vendas

Neste modelo quanto mais você vender, mais irá ganhar, ou seja, você vai cobrar um percentual em cima das vendas que acontecerem através dos anúncios.

É bem interessante, ainda mais se você confiar no seu trabalho e no resultado que é capaz de entregar.

Um ponto negativo é que nem todo tipo de negócio dá para trabalhar dessa forma. Por exemplo, é mais difícil no caso de negócios locais, mas pode ser ótimo para e-commerce ou infoproduto que são modelos de negócio onde é possível mensurar com mais facilidade este tipo de resultado.

Uma dica importante: Entender se o produto do seu cliente é bom. Porque no caso se o produto do cliente não for um bom produto, se tornará mais difícil dar resultados para ele.

Cobrar por hora

Neste modelo você ganha um valor por hora de trabalho.

Não recomendo o valor por hora, porque a obrigação do gestor de tráfego é gerar resultado para o cliente.

É um formato que não faz muito sentido, porque o gestor de tráfego é pago pelo resultado que é capaz de gerar e não pelo tempo em horas.

Nota: É importante que você tenha um modelo de contrato com o seu cliente. Isso torna o seu serviço mais profissional e também seguro para ambas as parte. Afinal de contas, tudo o que é combinado, não sai caro!

Assista esse vídeo para aprender um pouco mais sobre este assunto.

 

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.