Anúncios de Facebook 16/04/2018

Mudanças no Facebook e Instagram: 6 dicas para sobreviver a elas

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

Durante as últimas semanas, muitas mudanças têm ocorrido tanto no Facebook e no Instagram. Muitas pessoas estão assustadas. Muitas falam no fim do Facebook (??) e que o melhor agora é apostar em panfletos (ironia). O meu objetivo com texto é elucidar sobre o que está realmente acontecendo e como pode contornar algumas dessas mudanças. Elas são reais, mas existe uma diferença muito grande entre mudanças e catástrofes. Mudanças acontecem e sempre vão continuar a acontecer. Se é um empreendedor ou social media, é bom que se adapte a elas e aprenda a lidar com isso.

Aqui vão algumas dicas que podem ajudar:

1. Não entre no exagero coletivo

Para analisar corretamente uma situação de mudança, é importante não cair no exagero coletivo de achar que as redes sociais vão acabar. Manter a cabeça fria é fundamental, pois só assim vai conseguir analisar a situação da melhor forma. Sempre que alguém informar sobre algo diferente ou que pareça catastrófico demais, pergunte pela fonte ou confira se outros meios também publicaram essa alteração.

2. Continue focando naquilo que é seu

Desde 2011 que repito o mesmo mantra: foque naquilo que você controla. A Fan Page não é sua, a sua conta do Instagram não é sua, o chatbot não é seu. O que é seu e no qual tem total controle são os sites, a sua marca e a sua lista de email. Isso dificilmente alguém tira de você. Não estou dizendo para não ter Fan Page ou chatbot, bem pelo contrário! Eles são excelentes meios para impulsionar o seu negócio. Mas usá-los para impulsionar o seu negócio é diferente de depender exclusivamente deles.

Leia também: Qual o tamanho ideal para um post no Facebook

3. Coloque ovos em cestas diferentes

Diversificar as suas fontes de tráfego e de vendas é uma opção inteligente se quiser manter o seu negócio a longo prazo na internet. É importante que aprenda e continue estudando sobre Facebook e Instagram Ads mas também sobre outras fontes de tráfego como Youtube ou LinkedIn. Sei que é difícil conseguir tempo e paciência para aprender sobre tudo isso. Você não precisa ser especialista nestas outras fontes de tráfego, mas precisa ter uma noção de como elas funcionam e gerar, nem que seja, pequenas quantidades de tráfego a partir delas.

4. Novas regulamentações = Novas estratégias

Com as modificações no Facebook, você precisa ficar atento para se adaptar e criar novas estratégias. A mudança que dificulta saber o tamanho da audiência do seu anúncio, por exemplo, obriga a que fique mais atento às otimizações das suas campanhas. E mais mudanças podem estar por vi. Fique ligado.

5. A sua marca é imutável

Mais do que criar Fan Pages ou contas temáticas, o seu foco deve ser em criar uma marca. Uma marca em que as pessoas confiem, gostem de acompanhar e se identifiquem com ela. Se você criar uma marca forte, não importa se o Facebook terminar ou se o seu canal do Youtube é banido. Se hoje a Fan Page da Mercedes ou da Hugo Boss fosse fechada, o negócio deles acabaria por conta disso? Não, porque elas têm uma marca. E o seu negócio, ele tem uma marca?

Dica: Conheça o meu novo curso Imagens para Redes Sociais

6. Cuidado para não ter páginas e contas de anúncios banidas

As principais modificações que o Facebook está trabalhando acontecem nas políticas de privacidade. A rede social passará a ficar mais exigente sobre sobre os conteúdos postados e os anúncios criados. Ficar banida de uma rede social ficará mais fácil e nós sabemos que o suporte para quando isso acontece praticamente não existe. Então, pense bem antes de criar posts mais polêmicos ou de fazer anúncios com copys mais agressivas.

E você, como tem se adaptado a todas estas mudanças nas redes sociais?

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.

BAIXE AGORA
O Ebook que vai ensinar você a colocar um chat do Facebook no seu site em apenas 10 minutos

close-link