Produtividade 09/02/2011

Ficar doente: uma dor de cabeça para os freelancers

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

Com certeza, mais dia menos dia, você irá ficar doente. E isso é das piores coisas que pode acontecer para um freelancer. Quando isso acontecer, você não terá um chefe que lhe diga para ficar em casa e dar-lhe a garantia que o trabalho ficará feito na mesma. Além disso, você não irá receber um único centavo enquanto estiver deitado na cama à espera que a sua doença passe! Este é realmente um dos grandes pontos negativos de ter o seu próprio negócio. Contudo, existem técnicas que podem ajudar a atenuar um pouco esta situação. Mas antes de saber como fazer, aconselho que dê uma olhada nos nossos artigos sobre como manter a produtividade em diferentes períodos da sua vida:

O maior problema destes momentos é que os seus clientes não podem esperar. Aguardam pelo seu trabalho e se você falhar, o mais certo é que acabem por procurar os seus concorrentes. A não ser que você tome as medidas certas. Nesse caso, poderá amenizar a situação até que esteja realmente pronto para voltar a trabalhar. Mas acredito que uma dúvida fica na sua cabeça: devo continuar a trabalhar mesmo não estando bem? É óbvio que esta resposta depende muito da sua situação. Se for uma doença simples, talvez até deva trabalhar nem que seja só com metade das suas capacidades. Até porque se precisar de um computador, poderá ficar em casa a recuperar até que esteja em melhores condições.

Tirando essas situações raras, na maioria das vezes a sua doença impedirá que continue a trabalhar nas melhores condições. Nesses casos, o meu conselho vai no sentido de que volte apenas a produzir quando estiver a 100%. Retire-se por completo de todos os seus projetos e espere até estar completamente recuperado. Funciona da mesma forma que uma lesão de um atleta. Se tentar voltar quando não estiver recuperado, o mais certo é que acabe por ter uma recaída e fique ainda mais tempo fora da competição. Veja algumas das coisas que pode fazer para tentar sair o menos prejudicado possível nestes momentos:

Diga aos seus clientes que está doente

Se estiver no meio de vários trabalhos, o melhor será mesmo ser sincero com os seus clientes e dizer-lhes que está doente. Não adiante datas de regresso. Diga apenas que quando estiver novamente em condições voltará a entrar em contato. Dizer uma data de regresso pode criar uma expectativa falsa, correndo o risco a que voltem a entrar em contacto consigo mesmo quando ainda não está em condições. Acredite que a maioria dos seus clientes irá entender a situação. Possivelmente irão lhe desejar as melhoras e esperar que volte a entrar em contato. Contudo, prepare-se para aqueles clientes impossíveis de aturar e que irão dizer que nada têm a ver com a sua vida pessoal e que apenas querem o trabalho feito. Nesse caso, aconselho que..

Delegue os trabalhos a outro freelancer de confiança

Por vezes existem projetos que não consegue adiar, pois têm datas definidas e não podem passar daí. Quando isso acontecer, fale com outro freelancer da sua confiança e peça para ele tomar conta desse projeto. Se achar conveniente, pague-lhe a totalidade do valor dado pelo cliente. Poderá pensar que estará a perder dinheiro (na verdade está mesmo), mas o mais importante aqui será manter o seu cliente satisfeito. Não seja cabeça dura e entregue esse trabalho. Até porque, pode perder este projeto hoje mas ganhar outro com o mesmo cliente dentro de poucos meses. O mais importante aqui será mesmo manter a satisfação do mesmo.

Outra das vantagens de utilizar esta técnica, reside no fato de que quando o freelancer a quem você delegou o trabalho estiver doente, passe a delegar os trabalhos a si. Quem sabe num futuro próximo não passam a trabalhar até em equipa. Quando estiver doente não pense apenas no presente mas sim no seu futuro como freelancer.

Coloque autoresponders

Sempre falei muito bem aqui dos autoresponders. São uma excelente ferramenta para o fazer perder menos tempo. E devem ser utilizados para quando você estiver doente. Basta um email a dizer: “Lamento mas neste momento estou doente. Deixe a sua proposta de trabalho e voltarei a entrar em contato consigo quando estiver em melhores condições”. Uma simples mensagem destas pode ajudar a explicar facilmente aos seus futuros clientes que será tudo uma questão de dias até que você volte ao ativo. Quando estiver doente esqueça o email. O mais importante é a sua recuperação. Os autoresponders fazem o resto.

Tenha trabalho adiantado

Uma das formas de se precaver para este gênero de situações é ter algum trabalho adiantado. É claro que esta medida não funciona em todos os géneros de trabalhos. Mas por exemplo, um freelancer que trabalhe como blogger a tempo inteiro, poderá ter alguns artigos intemporais, que estarão guardados e que servem para utilizar em momentos como este. Não precisam de ser textos fantásticos. Apenas alguns de rotina, apenas para que não deixe de cumprir a promessa que fez com os seus leitores. Afinal de contas, eles não têm nada a ver se você está doente ou não. Assim poderá recuperar descansado e manter os seus leitores motivados.

Aceite a situação

Estar doente é uma coisa completamente habitual e nesses casos você deve recuperar como se fosse um trabalhador normal. Não tente trabalhar nem que seja só um pouco. O seu estado físico é o mais importante neste momento. Se não recuperou, não produza. Não caia na tentação de ir trabalhar apenas um pouco. Aproveite até para tirar uma férias forçadas.

Tente não ficar doente

Se já está doente, paciência. Quando ficar melhor, concentre-se em não voltar a ficar doente. É importante ser organizado para poder ter tempo para si e cuidar da sua saúde é fundamental. E cuidar de si para em grande parte por ter uma boa alimentação e fazer constantemente exercício físico. Estes cuidados podem ajudá-lo a que não fique doente novamente.

Organize ainda melhor o seu retorno

Com certeza depois de ficar doente terá bastante trabalho para fazer. Nesta fase é importante que leve a sua organização ao extremo. É normal que se sinta um pouco perdido no início. Possivelmente até terá que realizar algumas horas extra para por tudo em ordem. Mas não se preocupe, com o tempo tudo voltará ao normal.

Ficar doente não é o fim do mundo

Como pode ver com todas as dicas que lhe demos, não será pelo fato de ficar doente que o seu negócio como freelancer irá por água a baixo. Conseguir manter o seu trabalho com bons rendimentos será uma dificuldade neste momento é certo, mas se mantiver tudo organizado, passará por esta fase sem que saia prejudicado. Afinal, todos nós ficamos doentes e isso normalmente dura só alguns dias.

Partilhe conosco e diga o que costuma fazer quando fica doente. Que técnicas costuma utilizar e se tem perdido muitos clientes por causa disso.

Abraços!

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.


BAIXE AGORA
O Ebook que vai ensinar você a criar imagens poderosas para anúncios pagos nas redes sociais!

close-link