Marketing Digital 05/05/2011

12 dicas essenciais para escrever artigos com qualidade no seu blog

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

“Mas porque é que alguns blogs conseguem ter artigos tão bons e eu não?”. Acredito que esta seja uma questão que você coloque constantemente a si mesmo. Na verdade não existe nenhum segredo para que os artigos de um blog sejam melhores do que os outros. Eles estão à frente dos nossos olhos, nos é que não conseguimos os conseguimos decifrar. Mas neste artigo vou lhe dar 12 dicas essenciais para que um artigo escrito no seu blog tenha boa qualidade. Se os seguir, com certeza tanto os seus comentários como o número de visitas irão drasticamente aumentar.

O grande problema de alguns aspirantes a bloggers é que não fazem a mínima ideia do que estão a fazer. Pensam que basta escrever conteúdos e que com o tempo as coisas irão aparecer. Têm a ideia de que basta criar quantidade. Nada mais que errado. O mais provável é que com o passar do tempo comecem a ver que as visitas não aumentam e acabam ficando desmotivados no seu trabalho como freelancer. Com isso, acabam culpando todo mundo menos a má performance que eles tiveram durante todo esse período. Mas para que não caia nos erros e nas desculpas mais comuns, vou já quebrar aqui alguns mitos que estão espalhados pela internet sobre o sucesso dos artigos. Mas antes de começar, sugiro que dê uma olhada em alguns destes textos:

Basta escrever vários artigos para o sucesso aparecer

É certo que o sucesso de um blog demora tempo a ser construído. E também é verdade que grande parte deve sucesso deve-se em grande parte do número de artigos que um freelancer desta área tiver. Mas o ponto mais verdadeiro de todos é que a qualidade é o primeiro ponto que deve procurar. Os outros dois perdem completamente a razão de ser quando os artigos que você escrevem não têm qualidade. Sem este fator, pode andar a escrever o tempo que quiser e o número de artigos que quiser que o seu tempo será passado em vão.

Se colocar um link para um artigo de outro blog estarei a perder um visitante

Errado! Esta atitude é proveniente de uma mentalidade pequena. Pensar que um visitante nunca mais voltará a visitar o seu blog porque você levou-o para o outro é uma mentira completa. Se o link que você colocou for realmente relevante para aquele leitor ele irá agradecer e com certeza irá voltar ao seu blog, pois por um lado irá procurar por outro artigo interessante mas também porque irá esperar que você lhe indique outro assunto tão interessante como o anterior! Já para não falar que o Google aprecia esse tipo de atitudes.

O tamanho não interessa

O tamanho interessa sim. E também depende da área onde você atua. No meu caso, que pretendo ensinar algo aos meus leitores, o texto tem que ser sempre um pouco mais longo. Já na área do entretenimento, os artigos têm de ser obrigatoriamente mais curtos. O importante é sempre adequar o seu público alvo ao tamanho do seu artigo.

Se escrevo textos, as imagens e os vídeos não interessam

Quem lê um artigo não gosta apenas de ver texto. Até porque a capacidade de concentração da maioria das pessoas para ler durante um determinado tempo seguido não é muito grande. As imagens e os vídeos servem para duas coisas. A primeira é para quebrar a rotina de leitura. E a outro é para acrescentar informação ao texto.

O que devo fazer para ter artigos de qualidade?

A qualidade deve ser o principal foco do seu artigo. Sem ela nada feito. Mas para isso você precisa de colocar isso na sua cabeça e esquecer a quantidade. Uma das coisas que o pode ajudar a melhorar a sua qualidade é definir a periodicidade com que escreve. Quando comecei a Escola Freelancer, coloquei como meta escrever um artigo por dia. Um objetivo que na altura me pareceu bastante fácil, mas que com o passar do tempo tornou-se uma tarefa bastante árdua. Para conseguir manter o objetivo, tive que organizar o dia de outra forma, de modo a conseguir manter a qualidade e a quantidade que me tinha proposto. Para isso, sigo 12 dicas que hoje vou partilhar com o leitor.

1. Tenha onde anotar suas ideias

A organização é essencial para que consiga tirar melhor partido de todas as suas capacidades. As ideias para os meus melhores artigos do jornal foram todas retiradas quando eu estava a passear na rua. Via algo que me interessava e apontava. Sim mas durante muito tempo este foi um dos meus problemas. Via algo na rua e dizia “assunto interessante, quando chegar ao jornal vou escrever sobre ele”. Mas tinha um problema: ficava com a ideia na cabeça e não a anotava. Isso fazia com que muitas das grandes ideias se perdessem, pois o nosso cérebro não consegue anotar tudo.

Hoje em dia isso já não acontece. Quando estou na rua utilizo a minha agenda e aponto logo o que vi. Se estiver no computador, uma pasta aberta do Evernote é suficiente. Você pode fazer o mesmo para conseguir ideias para os seus artigos. Leu nume revista uma coisa que gostou? Viu que aquele texto do site lhe agrada? Anote e não deixe escapar nada. Uma grande ideia pode mudar uma vida.

2. Escolha o tema com muito cuidado

É aqui que você começa a desenhar o seu futuro. A escolha do tema é preponderante para que o que você escrever possa ser viral ou não. Eu normalmente ando às voltas e voltas até saber o que vou escrever. Após criar uma lista, fico com várias ideias na cabeça. Depois, respondo a um leque de questões, entre as quais:

  • Este é o melhor tema que consigo encontrar no momento?
  • Será que ele vai ser assim tão interessante para quem o vai ler?
  • Será que posso ler ou estudar mais sobre o tema de modo a dar algo mais ao leitor?
  • Estarei a ensinar alguma coisa a alguém?
  • Estarei a acrescentar alguma coisa relativamente ao que já foi escrito sobre o tema?

3. Título: a chave para o sucesso

É apenas uma frase mas é das coisas mais importantes no seu texto. Normalmente nunca me fico pelo primeiro título. Ando às voltas e voltas. Pesquiso no Google e vou ao Google Adwords Tool. Vejo o que as outras pessoas optaram para colocar no título em artigos semelhantes. O título deve ter algumas destas características:

  • Simples. Não complique muito. É importante que se consiga olhar para ele e perceber diretamente o que quer dizer
  • Curto. Nem sempre é possível mas sempre que puder faça-o
  • Chamativo. Deve levar o leitor a querer imediatamente devorar o seu texto
  • Criativo. Quanto mais original for o seu título, melhor
  • A condizer com a imagem. Se puder realizar algum trocadilho entre a imagem e o título, perfeito

4. O primeiro parágrafo

Se reparar, comecei o artigo de hoje com uma questão. Isto é uma forma de colocar o leitor a pensar logo ao início. Evite aquelas frases clichés como “no artigo de hoje vamos falar sobre” ou “Como o leitor sabe”. Os seus leitores vêm isso centenas de vezes por dia. Lembre-se: a qualidade é o mais importante. E ter qualidade significa fazer coisas com o mesmo objectivo que os outros, mas de um modo muito melhor. Experimente começar com uma pergunta, dar números (sabia que 500 milhões de..) ou iniciar com um exemplo pessoal. Dê algo mais ao seu leitor.

5. Mude a vida de alguém

Dê sempre o seu melhor. Quando fizer um artigo, tente sempre mudar a vida de alguém. Seja a ensinar ou a entreter, é importante que o dia dessa pessoa não seja mais o mesmo desde que leu o que você escrever. Ele deve ter vontade partilhar no Facebook e no Twitter. De contar aos seus amigos. De esperar ansiosamente pelo seu novo artigo. Antes de começar o artigo, pense: “Estarei a mudar a vida de alguém”?. Se o leitor lesse aquele texto, estaria a ver algo de inovador? Ou estará apenas a fazer mais um texto que vai contribuir para a quantidade interminável de lixo que existe na internet?

6. Qualidade vs quantidade

Volto a tocar neste tema porque é demasiado importante para ser esquecido. Deve sempre optar pela quantidade em vez da quantidade. Se não conseguir escrever um artigo por dia, não se preocupe. Escreva apenas três. Se esta semana está menos inspirado, escreva só um. Contudo, tenha cuidado para não fugir muito à sua rotina. Não torne a técnica de “fugir” dos artigos algo normal. Faça-o apenas quando não tiver outra opção, visto que é importante que os seus leitores se habituem a uma certa quantidade de artigos por semana. Mas o mais importante é que eles se habituem mesmo à sua qualidade.

7. Divida por pontos e listas

Ninguém aguenta muito tempo a ler um texto seguido. Para isso existem os parágrafos. Mas muito mais importante que isso, é você dividir o seu artigo em pontos e listas. Além de facilitar em termos visuais, ajuda a perceber mais facilmente aquilo que você escreveu. Imagine que este ponto não lhe interessa. Ao leitor basta apenas ler o título para tomar essa decisão. Com isso, passa para o ponto seguinte.

8. O mais simples possível

Utilizar palavras caras não é sinônimo de escrever bem. Um bom escritor consegue que o leitor perceba à primeira a ideia que ele quis transmitir. Para isso você deve evitar as redundâncias. Ficam aqui algumas dicas para tornar os seus textos mais simples:

  • As citações não devem ter mais do que cem palavras e devem estar sempre entre aspas
  • Evite dizer “Na minha opinião..” Se o texto é escrito por si é óbvio que é na sua opinião
  • “Há alguns anos atrás”. Se foi há alguns anos, pressupõe-se que tenha acontecido anteriormente e não no futuro
  • Evite repetir palavras. Sempre que possível, use sinónimos
  • Coloque as datas em números e não por extenso
  • De zero a dez, escreva por extenso. A partir daí utilize numerários
  • Uma ideia, uma frase. Se possível, tente transmitir uma ideia em cada frase que escreve de modo a não confundir o leitor
  • Não seja repetitivo. Dentro do mesmo texto, salvo raras excepções, tente não transmitir a mesma informação duas vezes
  • Tente dar números exatos. “Á volta de” ou “Cerca de” provocam dúvidas ao leitor. Tente saber sempre um número exato

9. Pesquise sempre por mais informação

Coloque uma coisa na sua cabeça: o que você sabe agora não é suficiente para escrever tudo sobre esse tema. Uma prática que me tem dado bons resultados é pesquisar sempre por informação antes de escrever um texto, seja ela em artigos na internet ou livros. Eu não sei tudo e acredito que o leitor também não o saiba. Uma pequena informação pode mudar a vida de quem lê o seu artigo. Portanto, não se dê por satisfeito e tente encontrar sempre algo mais de modo a que o seu artigo fique com muita qualidade.

10. Tenha uma estrutura coerente

Já li textos na internet que são uma confusão. Começam por desenvolver o assunto, pelo meio tiram a sua conclusão e depois lá para o fim ainda acrescentam informação. É importante que o seu artigo respeite as regras de: Introdução, desenvolvimento e conclusão. Ao ler um artigo, uma imagem começa a formar-se na sua cabeça e é importante que o leitor também crie essa visão. A capacidade de ele conseguir fazer isso depende da estrutura e da coerência do seu artigo.

11. Releia o que escreveu

O leitor já deve estar farto de ler que deve fazer isto sempre que termina um artigo. Mas toco neste ponto por um motivo: a maioria das pessoas não o faz! Já estão tão fartos de olhar para o que escreveram e não querem saber mais daquilo. Então, de que vale todo o trabalho que você teve, se no final você vai apresentar o seu produto com defeitos? Só falta um pequeno passo para você conseguir dar algo de bom aos seus leitores. Portanto, no final faça sempre uma leitura de modo a emendar possíveis erros ou retirar informação que afinal não é tão importante.

12. Se questione “Isso é o melhor que consigo fazer?”

Há pouco tempo comecei a fazer esta pergunta no final dos meus artigos e os resultados têm sido excelentes. Colocar esta questão faz com que se sinta obrigado sempre a melhorar um pouco mais o seu texto, pois começa a culpar-se por verificar que afinal, ainda faltam alguns pormenores. Esta exigência faz com que tenha uma disciplina pessoal muito grande e que exija de você o máximo.

Já sabe como escrever artigos de qualidade para o seu blog?

Primar pela qualidade é essencial nos textos do seu blog. Todos os freelancers devem exigir o máximo para o seu negócio e se você tem o sonho de trabalhar como blogger nesta área, este artigo é para si. Com estas dicas irá conseguir textos de qualidade, o que fazem com que aumente em muito a probabilidade de ser bem sucedido.

E o leitor, tinha consciência de todas estas dicas? Utiliza mais alguma técnica para melhorar os seus artigos?

Abraço!

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.






BAIXE GRÁTIS O EBOOK "CHECKLIST PARA FACEBOOK"
Os primeiros passos com sua página no Facebook.

Checklist sobre facebook
close-link