Produtividade 03/05/2012

Como trabalhar em casa de um modo produtivo: problemas e soluções

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

Ser freelancer, principalmente nos primeiros meses, é sinónimo de trabalhar em casa. Esta forma inovadora de criar o seu próprio negócio pode ser uma vantagem enorme, principalmente ao nível da produtividade, que irá aumentar significativamente se for bem aproveitada. Mas este “se” tem muitos fatores em consideração. Em grande parte dos casos, o freela sente dificuldades em adaptar-se ao seu novo estilo de vida. Eu próprio, quando saí do jornal e comecei a passar os meus dias em casa, tive algumas dificuldades para manter um ritmo constante de trabalho.

trabalhar em casa

TENHA UM HORÁRIO

O primeiro ponto para você conseguir ser produtivo é, sem dúvida alguma, ter um horário definido. Eu, por exemplo, sei que o meu dia tem sempre de começar entre as oito e as nove da manhã. Se o fizer depois disso, ficarei com as tarefas acumuladas e o trabalho não sairá com a melhor qualidade. Por isso, desde o primeiro dia, escolha um horário para começar os seus trabalhos, seja ela as oito, nove ou dez da manhã. O mais importante é que você tenha, pelo menos, o princípio de definir uma hora para trabalhar. Se falhar na sua primeira tentativa, não se preocupe. Nem todos temos a capacidade para conseguir ser disciplinados desde o primeiro dia. Por vezes, encontrar a sua rotina surge muitas vezes através de um processo de tentativa/erro.

Independentemente do horário que escolher, o meu conselho é que tente iniciar a sua jornada pela manhã. Sei que você poderá ser uma pessoa que prefere trabalhar à noite, mas a longo prazo esse hábito por ser-lhe prejudicial. Não só por questões de saúde, mas também porque o torna uma pessoa menos sociável e dificulta-lhe o contato com os clientes, que por norma têm um “horário normal” de trabalho.

Dica: Existem muitos hábitos que o podem ajudar a melhorar neste aspeto. O primeiro é de sair da cama imediatamente à hora definida. Esqueça a ideia de ficar “apenas mais 5 minutos” na cama. Como você não tem hora para entrar no trabalho, facilmente esses cinco minutos se transformam em uma hora. A segunda dica que posso dar-lhe é a de, pelo menos durante a manhã, trabalhar para fora de casa. Como referi no video, ir para um café foi a minha estratégia utilizada para resolver este ao problema da falta de horário. Quando a disciplina pessoal ainda não está bem desenvolvida, temos de utilizar táticas diferentes. Recorde-se:

  • Ter um horário é essencial
  • A forma como você vence as suas dificuldades na definição de horário é muito pessoal. Não existem dicas milagrosas. Encontre o método que melhor se adapta à sua personalidade
  • Tenha este princípio desde o primeiro dia
  • Não descanse enquanto não conseguir encaixar este princípio no seu dia-a-dia

ESCOLHA O AMBIENTE DE TRABALHO

Sala, quarto ou escritório. O ambiente de trabalho que você escolhe para produzir é completamente indiferente, desde que siga alguns princípios como ter boa luz natural, facilidade de concentração ou conforto. Tal como na definição de horário, a escolha do local para trabalhar parte sempre de um processo de tentativa/erro. Experimente uma divisão da casa. Se não gostar dessa, parta para outra. Até porque o local de trabalho não é algo permanente: numa semana você pode preferir trabalhar no escritório enquanto na outra fica pela varanda.

Neste ponto, realço o fato da solidão poder ser prejudicial para algumas pessoas. Se você tem essa dificuldades, aconselho que trabalhe num local público pelo menos durante um período do dia. Faça isso principalmente em trabalhos que necessitem de menos foco e que sejam mais de rotina.

Dica: Em primeiro lugar, analise se a sua casa é um bom local para trabalhar. Verifique se tem luz natural e se as pessoas que nela vivem não o vão prejudicar. Se não conseguir produzir no seu lar, veja um local público que seja próximo e que permita manter-se focado naquilo que está fazendo. Um café público, uma biblioteca ou um cowork são boas soluções.

DEFINA AS FERRAMENTAS CERTAS

Trabalhar em casa é algo complexo, mas que pode ser facilitado com o uso das ferramentas corretas. Elas podem ajudá-lo a ser mais produtivo ou a simplesmente organizar os pagamentos que necessita de fazer. Nesse aspecto, sou bastante redutor e considero que nós não precisamos de um número ínfimo de ferramentas, mas sim de saber escolher as corretas. A melhor de todas é a conceituada agenda, seja ela física ou on-line. Para organizar o seu dia de forma correta, ela necessita de estar sempre presente.

As outras ferramentas que referi no video foram o Evernote, o Rescue Time, o Chromodoro e o Read Later Fast (que agora tem o nome de Read It Later). Estas quatro adequam-se mais facilmente ao meu trabalho, mas existem muitas outras que você pode experimentar. No nosso artigo sobre aplicativos para manter o foco no trabalho poderá encontrar inúmeras delas.

Dica: Experimente várias ferramentas e tente perceber quais se adequam melhor ao seu trabalho. Uma boa forma de o fazer é procurar por profissionais da sua área e entender o que eles estão usando. Possivelmente, essas mesmas ferramentas também devem ser utilizadas por si. No entanto, aconselho sempre que independentemente do que você fizer, considere sempre utilizar uma agenda.

TENHA CUIDADO COM AS SUAS FINANÇAS

Ter um salário ao final do mês a nível de finanças é um verdadeiro “descanso”. Você sabe que naquele dia exato o dinheiro vai para a sua conta e com isso terá as suas contas paga. Já quem trabalha como freela não tem assim tanta facilidade. O dinheiro não chega “certinho”, podendo ser recebido em qualquer momento do mês. Por isso, fazer um gestão financeira eficaz é importante. De qualquer das formas, você pode aproveitar o fato de estar trabalhando em casa para poupar algum dinheiro, visto que não necessita de se deslocar nem de almoçar e jantar fora.

Dica: Defina quanto vai receber por mês e retire esse valor a cada 30 dias. O que sobrar servirá para investir no seu negócio ou para colocar numa poupança. Também não se pode esquecer que poderão existir meses em que o que recebe não chega para pagar o seu salário e daí, a poupança ser tão importante.

PRODUTIVIDADE E MOTIVAÇÃO ESTÃO INTERLIGADAS

Durante o video, falamos também sobre o fator motivação pois sabemos que ela e a produtividade estão interligadas. Se nos sentirmos mais motivados, mantemos o foco mais facilmente e produzimos de forma mais rápida. Mas fica a questão: como manter a motivação no trabalho? Existem inúmeras formas de o fazer e será (mais uma vez) uma resposta pessoal, que deve ser encontrada pela própria pessoa.

No entanto, existem formas de agilizar esse processo. O primeiro de todos é ler histórias sobre empresários de sucesso. Um freela é um empreendedor nato e precisa de saber como pensam os grandes génios de negócios, mas principalmente como eles fazem para manter a ambição. As pessoas de maior sucesso estão constantemente motivadas e têm sempre em mente aquilo que pretendem para as suas vidas.

No video que podem ver acima, o Paulo Faustino também passa outro conselho bastante interessante: a de fazer o melhor em todas as suas tarefas. Sempre que escreve um texto para o seu blog, o nosso colega tenta demonstrar todos os seus conhecimentos e superar as expectativas dos seus leitores. Um hábito que tem trazido bons resultados.

Dica: Pense sempre o que quer ter no futuro, mas construa isso no presente. Você quer ter dez clientes por mês? Faça disso uma meta mas faça crescer essa meta já a partir de hoje. Pensar apenas naquilo que quer ajuda a manter a motivação, mas não o faz ultrapassar as dificuldades. Ficar esperando que os bons resultados tragam motivação é um erro. Deve ser você a insistir e esperar pelos feedbacks positivos.

SEJA DISCIPLINADO!

A disciplina é mesmo a palavra-chave para você conseguir ser mais produtivo trabalhando em casa. Todos os pontos que defini acima são difíceis de serem concretizados se você não impuser regras a si mesmo. Ter disciplina pessoal é algo que pode ser trabalhado ao longo dos anos. No fundo, trata-se de conseguir eliminar os maus hábitos e trocá-los por outros que façam a diferença no seu dia-a-dia.

Antes de terminar o artigo, quero deixar bem claro que ser produtivo em casa não é um processo simples e rápido. Deixar de ver várias pessoas no seu escritório para passar a ter apenas um computador e uma parede à frente é uma mudança muito drástica. Você precisa de tempo para se adaptar e conseguir encontrar os seus métodos. Procure por alternativas e verá que, afinal, você é bem mais produtivo do que pensava.

E o leitor, tem conseguido ser produtivo em casa? Que técnicas utilizou para ultrapassar esse obstáculo?

Abraço

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.

BAIXE GRÁTIS O EBOOK "CHECKLIST PARA FACEBOOK"
Os primeiros passos com sua página no Facebook.

Checklist para facebook
close-link