Marketing Digital 14/06/2012

Como definir um plano de marketing para o seu site nas redes sociais

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

Depois de ter explicado como deveríamos fazer um plano de marketing para um negócio de freela ou para uma empresa, hoje vou partilhar algumas dicas do que deve fazer para realizar um plano de marketing para o seu site. Isto porque é importante que você defina desde o princípio metas para saber o que pretende fazer para que a sua página atinja bons resultados e consiga desenvolver-se de forma positiva. Principalmente nos dias que correm, é necessário ser proativo no seu negócio e trabalhar nas mídias sociais de forma correta. Interagir com o Facebook ou com o Twitter exige um trabalho diário e uma consistência que antigamente não existiam no mundo dos negócios.

Mas mais do que ser constante é necessário saber trabalhar de forma correta, sendo bastante eficaz naquilo que está divulgando. No fundo, é apostar na Lei de Pareto e verificar quais são os métodos que melhor funcionam, gerando mais visitas com um menor fluxo de trabalho. Mas como fazê-lo? Este é uma questão que atormenta muitas pessoas que pretendem trabalhar a tempo inteiro na internet. De fato, é muito simples você partilhar algo nas redes sociais, mas a verdade é que existem princípios que você deve seguir, caso contrário estará trabalhando em vão.

PORQUÊ EU NECESSITO DE UM PLANO DE MARKETING?

Tal como tudo que você pretenda levar a sério no seu trabalho, é necessário definir metas e perceber que sem saber onde quer chegar, estará deixando o futuro do seu empreendimento ao acaso. Para realizar um plano de marketing eficaz para o seu site, precisa desde o início definir estratégias e tentar perceber o que resulta com o seu nicho de mercado. Desta forma, estará pensando e agindo de forma coerente, evitando passos em vão. No fundo, terá que definir inicialmente estes três pontos:

Objetivos: Saiba onde pretende chegar. Defina quantos fãs pretende ganhar no Facebook num determinado período de tempo, quantos seguidores pretende aumentar no Twitter ou quantas visitas isso deve gerar para a sua página.

Estratégias: Além de saber onde você pretende chegar, é importante que perceba a forma como vai fazê-lo. Pretende apostar em imagens, videos ou guest-posts? Qual será a melhor forma de agradar ao seu nicho específico? No fundo, é a forma como você vai trabalhar para fazer com que as pessoas que o acompanhem, gostem daquilo que está fazendo e “chamem” outra pessoas.

Táticas: É certo que devemos fazer um bom trabalho dentro do grupo que já nos acompanha, mas também é importante “chamar” outras pessoas de fora. Isso passará muito pela publicidade ou por parcerias que você irá realizar. Neste ponto, é determinante que saiba o quanto vai investir.

plano marketing

DEFININDO OBJETIVOS

Como referi acima, este é o primeiro ponto que devemos preocupar-nos. Definir objetivos é saber o quanto você pretende que o seu site cresca. Mesmo que essa meta seja aumentar em 5 ou 10% o número de visitantes ao mês, certamente será melhor do que perder esses mesmos 5 ou 10%. Tudo irá depender da sua noção de sucesso e do que isso pode ajudá-lo a conseguir mais rendimentos. Se para o seu negócio aumentar o volume de tráfego apenas 10% é sinônimo de mais vendas, ótimo. O importante é adequar o que você pretende com a sua realidade.

Quando define objetivos, o primeiro passo é olhar para os seus concorrentes e perceber o que eles estão fazendo. Dê uma olhada na página de fãs deles e veja como eles trabalham. Siga-os no Twitter e acompanhe os seus tweets. Desta forma, você terá noção do que eles estão fazendo, qual o tamanho da audiência ou do que o seu público mais gosta. De qualquer das formas, recordo que o objetivo não é copiar nem fazer o mesmo do que eles, mas sim perceber mais facilmente a forma como funciona o seu público-alvo.

DEVEMOS TRABALHAR DA MESMA FORMA EM TODAS AS REDES SOCIAIS?

Esta pergunta tem sido realizada ao longo dos últimos anos e a resposta parece estar caminhando para um convicto “não”. As redes sociais são diferentes e por isso devem ser trabalhadas de forma diferenciada. Estar replicando tudo aquilo que faz no Facebook para o Twitter não é uma boa política e de uma forma geral não traz resultados positivos. A melhor forma de trabalhar é criar conteúdo diferenciado, dedicado a cada público.

Isto porque existem pessoas que utilizam apenas o Twitter, por exemplo, porque não gostam da quantidade de imagens que aparecem no Facebook. Por outro lado, existem aqueles que preferem a organização da rede social de Mark Zuckerberg e dispensam o Twitter. Basta este princípio para justificar o fato de você não ter a mesma política para sites diferentes.

PASSANDO À AÇÃO

Depois de saber qual o retorno que pretende ter com toda a sua estratégia de marketing, chegou o momento de começar a definir os passos para conseguir divulgar o seu negócio de forma efetiva. O primeiro de todos será dar uma imagem profissional às suas páginas. Vejamos como pode fazer em cada uma delas:

FACEBOOK

Com o aparecimento da nova Timeline, muitas mudanças aconteceram. Infelizmente, algumas pessoas ainda têm dificuldades em perceber exatamente como devem fazer para conseguir tirar maior rendimento das mesmas. Vejamos alguns princípios que deve seguir.

Tanto a imagem de capa como a imagem do perfil da sua página de fãs do Facebook devem estar bem cuidadas. Caso seja necessário, contrate um designer que dê um toque profissional à sua página de fãs, de modo a torná-la atrativa e que fique na cabeça do seu cliente. Tal como acontece com a imagem de um site, o aspecto desta sua ferramenta de marketing também deve ser bem cuidada, transmitindo uma ideia profissional do seu trabalho.

Outro dos cuidados que deve ter é o de inserir informação no “sobre” da sua página. Como podem ver no nosso caso, temos uma pequeno resumo do que é a nossa página de fãs e ainda inserimos o link que vai direto para o nosso site. Enquanto freelancer, resuma em poucas palavras o que você faz e insira o endereço do site que os seus possíveis clientes devem visitar. Deixa tudo à vista dos olhos de uma pessoa que esteja visitando a sua página pela primeira vez. No entanto, recordo que com a nova Timeline também surgiram algumas regras que você deve ter em atenção. Fique sabendo que na capa não é permitido que insira preços, contatos, chamadas à ação (do gênero “curta aí a nossa página”) ou imagens de capas de outros sites.

Outra das opções que deve explorar de forma eficiente são as opções “curtir”. Nelas, poderá inserir várias coisas desde mapas, vídeos do YouTube ou até fazer um chat ao vivo. Tudo dependerá dos aplicativos que pretender usar. Como demonstrei na imagem acima, no exemplo da Zappos, vemos como esta marca aproveitou os seus separadores para fazer promoções de produtos, criar formulários ou apenas para dar a conhecer um catálogo. Se quiser saber mais sobre os aplicativos disponíveis, aconselho que dê uma leitura no artigo do colega Paulo Faustino sobre os 14 aplicativos para a timeline do Facebook para páginas.

INTERAGINDO COM OS SEUS FÃS

Chegou a hora de você começar aproveitando o fato de ter uma página de fãs bem organizada. Para isso, você necessita de explorar ao máximo todas as possibilidade que o Facebook oferece. E essa parte passa muito por conseguir encontrar aquilo que os seus fãs mais gostam. Como pode ver na imagem acima, esta rede social nos dá possibilidade de analisarmos de uma forma eficaz o que tem dado certo nas nossas publicações. Se for ao seu painel, verá que terá acesso a todas as informações. Verifique quais foram as suas publicações que tiveram mais sucesso e repita esse processo mais vezes. Se o leitor verifica que ao publicar uma imagem o sucesso é muito maior do que quando faz o post de um video, isso é um sinal que deve continuar explorando essa vantagem.

PUBLICANDO DE FORMA EFICAZ

Cada publicação no Facebook poderá ser alterada conforme os seus gostos. Se prestar atenção, verá que existem três campos que podem ser mudados. Precisamente onde eu escrevi “Faça uma pequena descrição aqui”, “Altere o título” e “Faça um pequeno resumo”. Dependendo do seu site, quando você carrega o link na sua página, ele irá trazer toda a informação do seu artigo, sendo que algumas são desnecessárias. No mínimo, remova o link que fica no campo de cima e retire a informação que está em exagero no campo do meio. Por norma, o terceiro campo vem bem preenchido (repito, por norma).

Alterar estes dados que não interessam ao seu leitor, faz com que você faça uma publicação mais pessoal e que aumente o número de “likes” e a probabilidade de partilhas dessa mesma publicação. Com estes pontos, resumi alguns princípios que você deve utilizar no Facebook para conseguir trabalhar de um modo mais eficaz. Contudo, existem ainda outros fatores que não irei falar aqui, visto que já foram explorados em outros artigos. Se quiser saber um pouco mais sobre o Facebook, aconselho que dê uma olhada nestes posts:

Se preferir o vídeo, a equipa das Escolas Plus gravou também um video na qual dá algumas dicas para você trabalhar de forma mais eficaz no Facebook. Vale a pena assistir.

TWITTER

Se para trabalhar no Facebook é necessário um vasto conhecimento, já no Twitter isso não acontece. Bem mais simples, esta rede social funciona de um modo bem mais prático mas também acaba por ser menos viral. Por norma, uma página de fãs cresce de forma mais rápida do que a conta do Twitter. No entanto, não deve ser uma rede social deixada de parte, visto que poderá ser uma interessante fonte de visitas.

No que toca à apresentação do Twitter, não existem muitos segredos. Além de alterar o fundo, inserir uma fotografia e preencher o “sobre”, não há muito mais que possa fazer. O problema está na forma como você trabalhar para fazer crescer essa conta. O primeiro cuidado que deve ter é trabalhar o seu perfil de uma forma dinâmica. No Twitter, postar mais do que quatro ou cinco artigos é algo perfeitamente normal. No entanto, não se concentre apenas em publicar aquilo que você faz. Faça retweet, interaja com os seus leitores e partilhe coisas interessantes para o seu nicho de mercado.

Como pode ver na imagem acima, um dos nossos seguidores pediu-nos uma informação à qual respondemos, dando a nossa opinião. Esta troca de ideias que existe entre você e as pessoas que acompanham o seu trabalho é importante, pois cria ligações mais próximas. Um dos hábitos que tenho no Twitter e que aconselho a todas as pessoas que trabalham na internet é que utilizem o Timely. Este site, permite que você programe tweets automáticos. É ideal para quem trabalha com blogs, podendo dar a conhecer artigos antigos aos seus novos seguidores. Se quiser saber mais, leia o nosso último artigo no qual falamos sobre ele, clicando aqui.

DEFINA TODOS OS PONTOS

Depois de aprender a utilizar o Facebook e o Twitter, está na hora de você saber quantificar todos os seus passos. Ou seja, entender quanto tempo está gastando, qual o retorno que você está tendo ou quem deverá fazer esse trabalho. Por isso, no plano de marketing para as mídias sociais você deverá ter em consideração vários pontos, que devem ser passados para o papel. Vejamos quais:

  • Descrição: Ao começar a divulgar o seu trabalho, escolha a forma como você vai fazê-lo. Vai apostar em imagens? Vai fazê-lo quantas vezes por dia? No fundo, coloque toda a informação que você achar relevante na sua estratégia.
  • Quem vai fazer esse trabalho: Aqui você tem duas hipóteses: você ou então contratar alguém para fazer essa parte. Hoje em dia, existem cada vez mais pessoas dispostas a fazerem o trabalho da sua empresa nas mídias sociais. Verifique sempre com muito cuidado se será realmente um especialista a realizar essa tarefa.
  • Objetivos: Saiba onde pretende chegar. Não faz qualquer sentido estar investindo dinheiro e tempo se não souber qual será a sua meta final.
  • Estratégia: Para chegar ao caminho que pretende, isso implica que trabalhe com uma determina estratégia. Defina-a desde o primeiro dia.
  • Necessidades: Você está apostando no marketing social porquê? Quer ter mais clientes? Quer aumentar as suas vendas? Responda a esta questão.
  • Dinheiro: Investir em publicidade nas mídias sociais é sinônimo de investir em publicidade. Escolha qual vai ser o seu capital investido nas suas campanhas. Mas antes de fazer isto lembre-se: isto é um investimento, não um gasto.
  • Tempo investido: Fazer a divulgação do seu site no Facebook ou no Twitter exige tempo. Os seus objetivos devem sempre ter em consideração o tempo que você vai investir. Se perder mais tempo na divulgação, também terá maior retorno.
  • Performance: Daqui a quanto tempo você vai fazer um balanço dos seus resultados? Defina uma meta temporal para que isso aconteça. O meu conselho é que faça isso no mínimo mensalmente e no máximo de três em três meses.

BENEFÍCIOS DE UM PLANO DE MARKETING

Tal como em qualquer planejamento, os benefícios são óbvios: sabe para onde está caminhando, pode testar várias soluções e consegue medir os resultados. Andar à deriva é mesmo o pior que você poderá fazer. Conseguir bons resultados nas mídias sociais exige que realize muitos testes. Por vezes, o que funciona com o seu vizinho pode não funcionar com você. Tente definir o seu próprio caminho e compreender o que a sua audiência gosta. Cabe, a si, mostrar-lhes o caminho e saber criar uma comunidade que goste e partilhe aquilo que você publica. Não será um processo fácil, mas com certeza trará grandes valias para o seu negócio. Como disse Don Peppers: “As empresas existem para criar e preservar seus clientes. Não para criar produtos, como muita gente imagina. Os produtos são efêmeros; os clientes não”.

E você, tem realizado algum plano de marketing? Tinha ideia de que também era necessário planear o marketing nas mídias sociais? Deixe-nos algumas das suas estratégias e partilhe com os outros leitores.

Abraço

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.


BAIXE AGORA
O Ebook que vai ensinar você a criar imagens poderosas para anúncios pagos nas redes sociais!

close-link