Marketing Digital 20/01/2011

Como criar uma comunidade em torno do seu trabalho?

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

Na Escola Freelancer sempre lhe falei sobre o fato de concentrar-se no essencial do seu negócio, que é produzir. Para isso dei-lhe dicas de como organizar os seus dias ou ser mais eficaz. Mas qual é o objetivo de tudo isto? Se faço as coisas de um modo mais rápido, o que faço ao tempo que me resta? Quando digo para ser mais eficaz a realizar alguma tarefa, faço-o com o objetivo de que consiga deixar sempre grande parte do seu tempo para outros pormenores, pois são eles que vão fazer você destacar-se de toda a sua concorrência. Se não for produtivo, estará sempre a “apagar fogos”. E se faz isso no seu trabalho como freelancer, não irá num bom caminho.

Ao conseguir tempo para si, conseguirá realizar tarefas que não são tão vistosas, mas que no fundo podem fazer a diferença. Produzir o conteúdo da Escola Freelancer representa apenas uma parte do trabalho realizado. Eu arriscaria dizer que é apenas metade. O resto do vai para outras tarefas, entre elas para conseguir criar uma comunidade à volta do blog. Como o faço? Respondendo a comentários, partilhando os conteúdos no Twitter e no Facebook ou respondendo a emails.

Todos os negócios hoje em dia, sejam eles on-line ou off-line, necessitam de criar uma comunidade à sua volta. Esses vão ser os seus maiores seguidores. Aqueles que o acompanharão mesmo em tempos de crise e quando ninguém acreditar em você. Eles serão os seus seguidores. Criar uma comunidade dá trabalho, exige organização e muito gosto pelo que se está a fazer. Você faz o mesmo com os seus vizinhos. Cumprimenta-os, diz-lhes olá ou oferece algum presente no dia de natal. Aí você está a dar-lhes atenção, a dizer indiretamente que eles são os importantes para si. O mesmo você deve fazer com o seu negócio, os clientes devem ser sempre os seus melhores amigos. Experimente não cumprimentar os seus vizinhos e veja o que acontece.

Vantagens de criar uma comunidade

  • São os seus clientes habituais. São os que nunca o abandonam;
  • Quanto maior for a sua comunidade mais visitas habituais você terá;
  • São eles que passam a palavra e mostram aos outros o quão bom é o seu negócio;
  • Irão defende-lo caso cometa algum erro.

Como posso criar uma comunidade na internet?

1. Esteja nas redes sociais

“Se você não está no Facebook é porque não existe”. É uma das frases que tenho ouvido ultimamente a respeito desta rede social. Tornou-se já um hábito a pessoa ir visitar a sua página todos os dias, tal como acontece com o email. Ter o seu negócio nas redes sociais como o Facebook ou o Twitter, significa que você tem uma audiência fixa e que está disposto  a partilhar os seus interesses e os da sua marca com eles. Vocês têm algo em comum, por isso é que estão ligados. Portanto, se tiver o seu negócio crie uma página nestes locais e fale sobre os seus novos produtos, coloque questões e faça sorteios.

2. Crie uma lista de emails

Não é apenas das redes sociais que o seu blog vive. Ter uma boa lista de emails também é importante. Esta medida poupa-lhes trabalho, que não precisam de vir aos seu site todos os dias para conferirem o seu conteúdo ou as suas novidades. Envie diretamente o que faz para o correio eletrónico deles. Aproveite também para criar promoções especiais apenas para os seus subscritores.

3. Responda a comentários

No dia de lançamento da escola estive cerca de duas horas e meia a responder a emails. Não é porque sou louco que o fiz. Sei que o Escola Freelancer necessita de uma comunidade, que os meus leitores querem que eu responda às suas dúvidas e dê a minha opinião, Querem ouvir-me e eu quero ouvi-los a eles. Esta troca de ideias é benéfica para ambas as partes, faz com que se criem laços. Se não o está a fazer no seu negócio, está a dizer aos clientes ou leitores que não se interessa por eles. Portanto comece já hoje a responder a todos os comentários. E não peça desculpa por ter demorado tanto tempo. Faça-o e pronto.

4. Comente em outros blogs

Você é um perito na sua área não é? Então deixe um comentário em outros blogs da área com a sua opinião. Não tenha medo de ser sincero e fazer um comentário negativo se for necessário. Mostre que entende do assunto. Os outros leitores vão prestar atenção em si e se concordarem consigo, vão passar a visitar o seu blog também. Mas não deixe um comentário por deixar. Se não vai acrescentar em nada para o debate mais vela ficar quieto. Mostre que entende do assunto e dê uma opinião válida. Seja diferente, seja melhor.

5. Seja fiel a eles

Eu quando garanti aos meus leitores que iria escrever um artigo todos os dias pretendo cumprir essa promessa. Seria necessário estar muito doente para não o fazer. Faça o mesmo no seu negócio como freelancer. Se prometeu uma coisa aos seus seguidores cumpra-a à risca. E se não o fizer não adianta pedir desculpa. O que têm eles a ver com isso? O que no final será lembrado é que você não cumpriu. Portanto, se prometer algo cumpra-o, custe o que custar. Só assim conseguirá a fidelidade deles.

6. Não os tome como um dado adquirido

Quando começar a criar a sua comunidade vai ver como é maravilhoso ver as pessoas a falar da sua marca ou do que você escreve. Vai sentir-se motivado ao saber que as pessoas se interessam por aquilo com que está a pensar. Mas tenha cuidado: Não os dê como dado adquirido. Conseguir a sua comunidade será tão difícil como mantê-la. Não os decepcione, pois eles podem virar-se contra a si a qualquer momento. Trate-os como trata alguém muito importante para si. Caso contrário podem virar os seus piores inimigos.

O que tem feito pela sua comunidade?

Ter uma comunidade no seu negócio é importante, por todos os motivos que referi acima. Muitos freelancers descuidam esta parte, vendo-a como uma coisa desinteressante no seu negócio, que na verdade não o é. Atualize-se e comece já hoje a sua comunidade. E já agora, aproveite e junte-se a nós no Facebook ou siga-nos no Twitter. E porque não assinar a nossa newsletter?

E o leitor, como gere a sua comunidade? O que tem feito por ela?

Abraço

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.

BAIXE AGORA
O passo a passo que vai otimizar para a sua página ser encontrada pelos motores de busca.

Ebook seo para facebook
close-link