Marketing Digital 07/06/2011

10 coisas que o Tênis pode ensinar sobre ser Freelancer

Luciano Larrossa Publicado por Luciano Larrossa

Ontem fui jogar tênis com o meu amigo Paulo Faustino e reparei que este esporte e o trabalho de freelancer têm muito em comum. Definir objetivos, dar sempre o máximo ou ter muita paciência são algumas das semelhanças entre estas duas vertentes. Os esportes são uma excelente forma de criar paralelismos como a vida profissional. Não é por acaso que José Mourinho ou o treinador de vôlei, Bernardinho, dão palestras motivacionais para empresas. Quem consegue triunfar num esporte, estará sempre preparado para vencer no mundo dos negócios, conseguindo ser um freelancer de sucesso. Se quiser saber um pouco mais sobre freelancing, aconselho a leitura destes artigos:

Desde muito novo sempre pratiquei esta modalidade, o que com certeza foi uma excelente ajuda para conseguir triunfar na minha vida profissional. E hoje toda a disciplina pessoal e força de vontade devo, sem dúvida, ao tênis. Acima de tudo, este é um esporte individual, o que obriga a crescer muito mais rapidamente que um coletivo. Esta teoria também se aplica ao mundo do freelancing. Quanto mais isolado você estiver no seu trabalho, mais rapidamente será obrigado a crescer e a aprender com os seus erros. Perderá aquele espírito de equipe é certo, mas ganhará disciplina pessoal e irá aprender a manter a motivação no trabalho. Mas para perceber um pouco mais sobre este paralelismo, veja as 10 coisas que o tênis o pode ensinar sobre freelancing.

1. Quase tudo depende de você

Num jogo de tênis você é dono de tudo. A bola vai fazer o que você quiser fazer dela. É claro que existe sempre o adversário para complicar a sua vida. Mas ele também só vai fazer o que você deixar que ele faça. Os freelancers funcionam da mesma forma. Você é responsável pelo seu trabalho e o seu sucesso apenas depende de si. Pode ter a influência dos seus concorrentes, mas eles apenas vão conseguir incomodá-lo se conseguir um ponto fraco. Portanto, concentre-se no seu trabalho e não pense muito nos seus concorrentes. Faça a sua melhor bola e eles dificilmente o vão incomodar. Nem mesmo em momentos de crise.

2. Passe sempre mais uma bola que o adversário

A ciência do tênis é bastante simples: se passar mais uma bola que o adversário, vence o ponto. Na sua vida pessoal ou profissional, se fizer sempre mais (e melhor) que os outros, estará sempre a vencer os pontos. Isso exige muito persistência e disciplina pessoal, mas acima de tudo muita garra naquilo que estiver a fazer. Deixar o emprego e iniciar a carreira de freelancer não é para qualquer um. Tem que ter muita paixão naquilo que está a fazer. Obriga a que esteja numa luta diária, para conseguir sempre passar aquela bola mais difícil e no final a vitória sorrir para o seu lado.

3. Reclamar não mudará nada

Devido a ser praticado no exterior, o tênis tem muitos fatores externos que o podem incomodar: o mau estado do piso, o vento ou o barulho do público. A atitude mais fácil? Reclamar! “Isto me incomoda, não consigo jogar com este vento” é uma frase bastante comum. Isto não é nada mais que uma desculpa. Afinal de contas, o vento não está para os dois jogadores? Porque incomoda mais a si do que ao outro? Esta atitude mental faz com que nos desculpemos facilmente e encontremos uma justificação para os nossos erros.

Como freelancer, não deve cair nesta armadilha mental, que facilita as nossas falhas. Quando tiver com problemas, tente encontrar a solução para eles em vez de se concentrar no problema em si. Está vento? Adapte o estilo de jogo a ele. Não consegue encontrar tempo para escrever artigos de qualidade para o blog? Organizar o dia de uma forma mais eficiente para poupar tempo deve ajudar. Tente sempre encontrar uma solução e não gaste as suas energias na dificuldade. As barreiras foram feitos para serem ultrapassadas.

4.  O tempo é o que fizer dele

Como sabemos, um jogo de tênis não tem limite em termos de tempo. Você tanto pode jogar durante uma hora como durante cinco ou seis. O trabalho de freelancer também é mais ou menos assim. Se quiser seguir esta área, esqueça o horário das nove às cinco. Não existem limites de tempo, pois tanto pode conseguir um grande número de clientes e produzir durante dez horas, mas também pode estar com menos volume de trabalho e ter apenas que ficar no escritório por três horas. O horário de freelancer oscila consoante o que tiver para fazer. Por isso é importante que se mantenha organizado e saiba aproveitar bem o seu tempo.

5. Aproveite as oportunidades

No ténis não há espaço para perder oportunidades. Se num momento está por cima do jogo, no outro pode ficar em desvantagem. Portanto, cada espaço concedido pelo adversário deve ser aproveitado para ganhar vantagem no encontro. Quando trabalha como freelancer, não deve desperdiçar demasiadas oportunidades. Pode pensar que elas vão aparecer sempre, mas isso não é uma regra. Com certeza as oportunidades irão surgir, mas quantas melhor agarrar mais facilmente será o exemplo de um freelancer de sucesso.


6. Adote uma tática

Seguir uma linha de raciocínio é algo essencial no mundo do freelancing. E no tênis também. Se quiser vencer aquele adversário, necessita de explorar as dificuldades dele. Nesse caso está a seguir um tática. Como freelancer deve saber que público-alvo quer atacar, quais são os pontos fortes do seu produto ou como vai fazer para rentabilizar o seu negócio. Guiar-se por algumas linhas é essencial. Se essa tática está certa ou não, só você poderá saber no futuro. O importante é que tenha uma linha de raciocínio, seja ela qual for.

7. Acredite naquilo que quer

Ninguém vence um jogo de tênis sem acreditar que o pode vencer. Se pensar que vai perder, o mais normal é que isso aconteça mesmo. Quando começar o seu trabalho de freelancer, é importante que acredite naquilo que está a fazer. Que não tenha dúvidas de que vai triunfar mas acima de tudo que dê tudo o que tem. Pois só dará o seu máximo se acreditar cegamente naquilo que quer. Não pense no que fará se as coisas não derem certo ou o que vai fazer para o seu negócio não entrar em crise. Pensar em como atuar quando as coisas não correrem bem é um claro passo para o precipício.

8. Fatores externos não devem influenciar seu trabalho

Uma das coisas que sempre me ensinaram no tênis foi que a minha cabeça deve tentar esquecer tudo o que se passou fora do campo quando começa a jogar ou a treinar. Sei que isso por vezes não é fácil. Mas as pessoas de sucesso fazem-no. Não deixe que os problemas que são externos ao seu trabalho atrapalhem a sua produtividade e vontade de vencer. Todos vivemos períodos difíceis na vida de freelancer. Mas é determinante que, o mais rapidamente possível, consiga dar a volta por cima e seguir em frente. Tente criar duas realidades. Uma gerada pelo problema, outra para o resto. A do problema deve servir para resolver esse mesmo problema, deixando o resto livre para continuar a construir o seu futuro. Esqueça o que se passou fora do campo e parta para o próximo ponto.

9. Preparação é fundamental

“O treino é tão ou mais importante que o próprio jogo”. A frase é de Bernardinho, treinador de voleibol, e espelha bem a importância da preparação para o sucesso no esporte. Treinar com vontade é o primeiro passo para vencer o próximo jogo. Mas como se adequa isto ao trabalho de freelancer? Manter-se organizado e renovar os conhecimentos sempre que puder, são algumas das formas para treinar sempre mais, conseguindo melhorar o seu trabalho e estar preparado para o próximo desafio. Prepare-se para o futuro constantemente.

10. Tente sempre evoluir

Os jogadores de tênis não jogam os mesmos torneios a vida toda. Começam pelas provas mais fracas e com o passar dos anos vão sempre buscando novos desafios, sempre com o objetivo de evoluírem o seu nível de jogo. Procurar sempre metas maiores e mais arriscados é uma excelente forma de nos colocarmos à prova e conseguirmos evoluir. Não se contente com o que tem hoje, queira sempre mais.

Já reparou que o esporte pode ajudar no trabalho de freelancer?

Ler biografias de desportivas foi um hábito que sempre tive. Temos muito a aprender com pessoas que triunfaram nas mais variadas modalidades, pois existem conceitos básicos para o sucesso e esses estão presentes em várias áreas. Neste caso escolhi o tênis, que é o esporte que sempre pratiquei.

Novo usuário?

Comece aqui

e-book “SEJA MAIS PRODUTIVO”

Baixe o ebook “Pensamentos sobre marketing digital”

Preencha os seus dados abaixo e receba esse e outros materiais por e-mail.